Hibrídos

Híbrido é o resultado da reprodução de duas espécies animais ou vegetais distintas, que geralmente não podem ter descendentes.

Os genes que influenciam um atributo, usualmente são descritos juntos, com um código de letra.

Alelos dominantes são descritos em letra maiúscula (F) e os recessivos em minúsculas (s).Conhecendo as proporções em que cada atributo ocorre na primeira geração de descendentes (F1) e na segunda (F2)e como os pais são fisicamente, é possível encontrar os genotipos dos indivíduos envolvidos em relação ao atributo observado.

Ex. Pintassilgo/ cardinalito X Canária


Os filhos (Canassilgos): (F1) de Pintassilgo X Canária


(F1) X (F1) = (F2)


(F2) X (F2) = (F3)


Apuramento de um (F)

 

Pintassilgo X Canária = (F1) (Canassilgos) de Pintassilgo X Canária


(F1) X Pintassilgo ou Canária = R1

(R1) X (R1) = (R2)

(R1) X Pintassilgo ou Canária = (R2)

 

Apuramento de um (R)

O (R4) poderá considerar-se que a espécie e 100% pura.

Nota: A percentagem de (F1) férteis é muito baixa. Pode levar vários anos para poder chegar ao (R4)

 

Em vez de Pintassilgo podem ser outras aves: (Verdelhões, Lugres, Pintarroxos, Cardinalitos da Venezuela, Negritos da Bolívia entre outras).
 

Híbrido duplo: é o cruzamento de dois híbridos simples F1
Híbrido triplo: é o cruzamento simples F1 com uma linhagem endogamica
Hibridação: pareamento de fitas de DNA ou RNA para produzir hélices duplas do tipo DNA-DNA ou DNA-RNA